O que os pais devem saber ao escolher uma creche

Os pais que pretendem colocar os filhos pequenos em uma creche devem ficar atentos para uma série de critérios que a escola deve possuir antes de realizarem a matrícula. A fim de evitar problemas com funcionários despreparados, falta de organização e descuido com o bem estar infantil, é bom estar atento para algumas orientações. As dicas foram dadas pela Escola de Educação Infantil Cantinho Criare, de Ribeirão Pires.

Área externa permite o contato da criança com a terra

Em primeiro lugar, os pais devem conhecer as instalações onde seu filho passará boa parte do dia. Detalhes são muito importantes, entre eles a limpeza, instalação elétrica, espaços interno e externo, manutenção predial, acessibilidade e outros.

Um ponto chave na tomada de decisão é observar bem o tratamento que os funcionários da escola prestam aos alunos. Essas pessoas precisam estar acostumadas em cuidar de crianças e uma forma de ajudá-los a compreender a nova criança é o período de adaptação que o aluno passa com os pais, ou seja, por uma semana, pais e filhos assistem às aulas e participam das atividades juntos, assim, o funcionário poderá se familiarizar com a forma como a mãe ou o pai trata a criança. Eliane Santana, proprietária do Cantinho Criare diz: “Durante essa fase de adaptação aprendemos a conhecer a criança, a forma como os pais trocam as fraldas, forma de alimentação, comportamento, os pais nos deixam claro os costumes de seus filhos. Assim buscamos levantar um histórico desde o parto até a idade corrente para que conheçamos melhor nossos alunos. Fazemos uma verdadeira avaliação para dar o melhor suporte”.

Os alunos recebem apoio de profissionais devidamente qualificados

Outra atenção é a quantidade de funcionários designados para cuidar da classe. “Dependendo da série, não pode ter mais que 11 alunos por sala. No berçário precisam ser três professores para cuidar de uma turma. Dependendo da faixa etária é preciso de mais professores”, explica Juliana Bello, coordenadora da escola. No Cantinho Criare todos os professores são pedagogos e a maioria possui pós-graduação.

Ao visitar as instalações, os pais devem estar atentos à condição dos dormitórios que devem ter camas (não somente o colchonete onde a criança dorme no chão) com colchões sempre bem higienizados e com número suficiente de acomodação. O refeitório deve estar limpo, as mesas coletivas ou os cadeirões precisam estar de acordo com as normas do Inmetro. As salas de aula devem ser bem iluminadas e arejadas, o que evita um ambiente muito úmido e propicio para doenças, especialmente as respiratórias e as alergias. Os banheiros precisam estar constantemente limpos, cada criança precisa ter seu material (para banho e troca de fraldas) separado e devidamente identificado. Cada faixa etária precisa de acomodações específica.

Os quartos devem ser arejados e com camas

A alimentação deve receber atenção especial. “Temos uma nutricionista para desenvolver e acompanhar um cardápio equilibrado. Os pais devem estar cientes do que os filhos estão comendo. Aqui nós permitimos que as crianças tenham acesso a frutas a qualquer momento, não restringimos porque eles já aprendem desde cedo a valorizar a alimentação saudável”, revela Eliane.

A escola deve ainda oferecer um serviço especial de integração, recreação e atividades extras como idioma, música, teatro e esportes.

Ao dar atenção a essas dicas, o pais estarão escolhendo um local ideal para que seus filhos tenham as necessidades atendidas em uma instituição de confiança. “Temos que cuidar melhor dessas crianças do que cuidamos de nossos próprios filhos, é uma responsabilidade muito grande”, conclui Juliana.

O refeitório deve estar adaptado às necessidades das crianças

Serviço – O Cantinho Criare fica na Rua Comendador João Ugliengo n° 76, Centro Alto (ao lado do Colégio Enau). Horário de funcionamento das 6h às 20h e atende crianças entre 4 meses e 12 anos. As mensalidades variam entre R$ 350 e R$ 500, dependendo da carga horária
Para conhecer a escola é possível agendar uma visita pelo telefone 4828-5032 ou por e-mail: [email protected]

Compartilhe

Comente

Leia também