Projeto “AES Eletropaulo nas Escolas” leva informação e conscientização às crianças

Durante três meses, alunos e professores do ensino fundamental das escolas do município de Ribeirão Pires participaram do projeto “AES Eletropaulo nas Escolas”, que tem como objetivo o desenvolvimento de trabalhos que abordam os conceitos do uso consciente e seguro da energia elétrica e seus impactos, por meio de peças de teatro, dança, poemas, música, maquetes e vídeos.

Game educativo no caminhão ‘lan house’ diverte e ensina os alunos

O projeto é executado em três etapas. “Um ponto é trabalhado diretamente dentro das escolas. Os professores recebem apoio técnico, uma capacitação sobre o tema e uma metodologia para desenvolver o tema de energia, e a pedagoga do projeto acompanha de tempos em tempos essas atividades. O segundo eixo é o caminhão ‘lan house’ que vem complementar o que a escola desenvolveu dentro do tema, e a terceira parte é o caminhão multimídia, onde é transmitido um filme interativo no qual a criança aprende sobre economia e segurança com energia elétrica”, explica Angélica Domingues, gestora do projeto.

Na última quinta-feira (02), o caminhão ‘lan house’ estacionou na Escola Municipal Professora Lavinia de Figueiredo Arnoni. Lá dentro, uma turma de 15 alunos por vez, se divertiu e aprendeu por meio de um jogo educativo. “O game ensina as crianças a economizar energia e a se prevenir de acidentes. No jogo, os alunos andam pelos ambientes da casa e vão aparecendo mensagens, como apagar a luz, fechar a porta da geladeira; tem uma parte onde aparece uma criança soltando uma pipa que enrosca no fio e o jogador tem que fazer com que a criança largue a pipa para que ela não sofra nenhum acidente, então, a ideia é abordar todas as situações mais comuns, tanto na questão da segurança, quanto de economia. É uma forma divertida de aprender”, falou Marcelo Alves, coordenador do projeto.

Rafaela, Guilherme, Marceli e Natália, da E.M. Profª Lavinia de Figueiredo Arnoni, aprenderam a importância de economizar energia elétrica

Onze escolas, 120 professores e 3 mil alunos participaram do projeto. O resultado da ação foi mostrado através de trabalhos expostos em feiras nas escolas e os melhores fizeram parte da mostra de encerramento, que aconteceu na terça-feira (7), no Complexo Ayrton Senna, com a participação da secretária municipal de Educação, Rosi Ribeiro de Marco e do prefeito Clóvis Volpi. “Esse projeto é fantástico. A participação da escola, do aluno e do professor chega dentro da casa da criança e isso é muito importante para mudar as atitudes e contribuir com o meio ambiente”, disse Rosi.

“Agora vocês são professores e podem ensinar a todo mundo o que aprenderam”, falou às crianças o gerente de subtransmissão do ABC, Juliano Gonçalves. E a criançada mostrou mesmo que aprendeu.

“Aprendi que não pode ficar muito tempo embaixo do chuveiro e que é perigoso soltar pipa perto de rede elétrica”, contou Natália Garcia, 9 anos.

Rosi de Marco e Clóvis Volpi receberam uma placa de agradecimento da AES Eletropaulo pela parceria no projeto

“Gostei de aprender que o telhado branco não gasta muita energia, por causa da energia solar”, disse Guilherme Cardilli, 8 anos.

“Eu aprendi que é muito importante economizar energia elétrica e que ela tem muitos perigos também”, fala Rafaela Almeida Cordeiro, 9 anos. Quando perguntada o que mais gostou no projeto, a resposta foi rápida: “Tudo”.

Compartilhe