Os benefícios da poesia em sala de aula

Por Ana Soares

O mundo precisa de mais poesia, a começar, na sala de aula.

Segundo o escritor Ferreira Gullar:

É preciso oferecer poesia desde a infância, além de outros livros, que tornem a leitura mais agradável e a transforme num hábito.

É importante incentivar as crianças desde cedo a conhecerem este universo poético e apresentar-lhes livros que despertem o prazer à leitura e à escrita.

A poesia acalma e ao mesmo tempo nos instiga à sua interpretação.

Ler poesia pode ser mais eficaz em tratamentos do que os livros de auto-ajuda, segundo um estudo da Universidade de Liverpool. Isto acontece por que a leitura da poesia afeta o lado direito do cérebro, onde são armazenadas as lembranças autobiográficas.

De forma descontraída e incomum, a poesia em sala de aula, estimula a aprendizagem: leitura, interpretação, criação e reflexão, despertando nossas emoções. Isto, por que os textos poéticos exigem muitos cuidados quanto  à leitura no que diz respeito aos significados das palavras e a pontuação, o que faz com que o aluno exercite mais a sua mente, desenvolvendo  e enriquecendo o seu vocabulário gradativamente. Eu mesma ampliei o meu universo de palavras com as leituras e releituras de textos poéticos, abrindo a mente às  interpretações de  textos variados.

A poesia é uma das formas mais radicais que a educação pode oferecer de exercício de liberdade através da leitura, de oportunidade de crescimento e problematização das relações entre pares e de compreensão do contexto onde interagem. (Filipouski, p 338 2006)

Quanto mais cedo a criança tiver contato com textos poéticos, maiores chances ela terá de desenvolver-se intelectualmente dentro de uma maior escala.

A poesia amplia visivelmente as possibilidades de o aluno vir a comunicar-se e expressar-se melhor, tornando-o mais receptivo a conhecer outros gêneros literários.

Cabe ao professor liderar um trabalho em classe que conduza os alunos ao manuseio de livros, a conhecerem os seus autores, a participarem de oficinas de textos, rodas de conversa, atividades lúdicas com palavras, etc.

A poesia tem o dom de nos enriquecer com palavras ao mesmo tempo em que brincamos com elas.

Desta forma, a poesia pode prevalecer em nosso cotidiano como uma importante ferramenta de ensino, nos proporcionando um equilíbrio em uma sociedade que se apóia em conhecimentos científicos.

Enquanto os conhecimentos técnicos e científicos nos deixam em terra firme, a poesia nos permite voar, ultrapassando alguns limites do nosso entendimento costumeiro e humano.

Numa comparação genuína, costumo pensar que a ciência nos aproxima dos médicos, enquanto a poesia nos aproxima de Deus!

Compartilhe