Funk Como Le Gusta traz mistura de ritmos ao Festival do Chocolate

Dez homens que agregam à música samba, rock e funk. Esse é o Funk Como Le Gusta, conjunto musical paulistano formado no final da década de 1990 e que se apresentará no penúltimo dia do Festival do Chocolate (sábado, 13), após o show da cantora Paula Lima, que também já fez parte do grupo.

Conjunto paulistano se formou no final da década de 90

Eles bateram um papo rápido com o Mais Notícias para falar sobre essa mistura musical e a expectaiva para a apresentação em Ribeirão Pires. Veja.

Mais Notícias – O Funk Como Le Gusta agrega variados ritmos. Como nasceu essa mistura?

Funk Como Le Gusta – Essa mistura é natural, cada pessoa sempre traz suas escolas e influências. Dentro do grupo, com o passar do tempo, aprendemos a nos respeitar musicalmente e absorver as diferenças tornando-as uma soma, sempre a favor unicamente da música.

Mais Notícias – São dez homens compondo o grupo. Como é a relação de vocês? Como lidam com as diferenças de opiniões no dia a dia?

Funk Como Le Gusta – As diferenças são necessárias, não seríamos nada um sem o outro. Após mais de uma década, desenvolvemos mecanismos funcionais para o trabalho.

Mais Notícias – O que o púbico do Festival do Chocolate pode esperar da apresentação de vocês?

Funk Como Le Gusta – O público pode esperar “A Cura Pelo Som”! Esse é o nosso momento, traremos ao show as canções desse novo álbum, sem deixar de tocar nossos sucessos como “16 Toneladas”, “Zambação” e outras prováveis surpresas!

Até lá!

Compartilhe