Vice-governador marca presença no Festival e garante verba para Turismo

Além dos ex-prefeitos Clóvis Volpi e Luiz Carlos Grecco, outra presença ilustre esteve no primeiro final de semana do Festival do Chocolate. Trata-se de Márcio França, vice-governador do Estado de São Paulo e secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado.

Marcio França, vice-governador do Estado de São Paulo ao lado do prefeito Kiko Teixeira

Em entrevista coletiva, o político confirmou que será repassado o valor do DADE para a construção do Boulevard Gastronômico e, assim como Laércio Benko (secretário de Turismo do Estado) garantiu na semana passada, reforçou que Ribeirão Pires não corre mais o risco de perder o título de Estância Turística: “Não há risco. Foi criado uma nova legislação e haverá uma classificação entre as Estâncias Turísticas e os MIT (Municípios de Interesse Turístico). O que vai acontecer vai ser uma espécie de competição de primeira e segunda divisão. Os três piores municípios que estiverem como Estância serão rebaixados para Município de Interesse Político, e as três melhores cidades do MIT se tornarão Estância Turística”. França explicou os motivos: “(Ribeirão Pires) é  a estância que está mais próxima da capital paulista, e esse é um dos eventos no qual traz pessoas de diferentes localidades”, disse.

Ao fim do show do Titãs, o prefeito Adler Kiko (PSB), fez um balanço desse primeiro final de semana de shows. “Extremamente positivo. Nós observamos um grande movimento na praça de alimentação e era isso que queríamos atingir: trazer a família de Ribeirão Pires para participar desse evento e fomentar o nosso comércio”. O alcaide ainda comentou sobre a inovação de trazer a barracas para debaixo da tenda. “Foi o grande diferencial dessa edição, antigamente tinha um receio em se fazer isso, porém fizemos e vimos que tanto os quiosques quanto o show no local aberto ficaram lotados” enfatizou.

Sinvaldo Carteiro, vereador da cidade de Mauá pelo PSDC, também esteve presente na Festa e aprovou o formato: “É sempre um prazer visitar Ribeirão Pires, a estrutura está perfeita tudo bem organizada”, e comentou o que levaria como exemplo para a Quermesse de Mauá: “Aqui temos um espaço com uma área coberta onde o pessoal pode se sentar e se acomodar, o que deixa o clima tranquilo e bem familiar”, encerrou.

 

 

Compartilhe