Sephama investe em estações de coleta seletiva

Em uma ação prevista no novo Plano Municipal de Gestão de Resíduos Sólidos, a Secretaria de Planejamento Urbano, Habitação, Meio Ambiente e Saneamento Básico (Sephama) instalou 12 estações de coleta seletiva em diversos pontos da cidade, uma ação para estimular e facilitar a separação de materiais que podem e devem ser reciclados e assim podem ser ou não doados à Cooperpires – Cooperativa de Catadores de Ribeirão Pires.

Intenção da Sephama é diminuir os gastos com destinação de resíduos

A intenção da Sephama é diminuir os gastos com destinação de resíduos ao Aterro Sanitário com a diminuição do volume de lixo e também aumentar os rendimentos dos cooperados. “O munícipe que separa o material reciclável de forma correta participa diretamente do trabalho socioambiental implantado”, afirma a secretária adjunta da Sephama, Karin Kelly Silva.

Algumas estações, contudo, estão sendo utilizadas de maneira equivocada e, com isso, o trabalho dos cooperados fica difícil. Desta forma, é fundamental que as pessoas entendem que as estações não são lugar para como restos de alimentos, fraldas descartáveis e móveis, entre outros detritos. “Todo material doado é encaminhado à cooperativa e eles acabam perdendo tempo porque precisam separar o material orgânico do reciclável. São horas de trabalho perdidas para corrigir a conduta equivocada de algumas pessoas”, concluiu a secretária adjunta.

Compartilhe