Novembro Azul lembra o combate ao Câncer de Próstata

O Outubro Rosa é um mês dedicado para conscientizar as pessoas sobre a importância do combate e prevenção ao Câncer de Mama. Já novembro é conhecido como o Novembro Azul, mês especialmente voltado aos homens e principalmente à prevenção do Câncer de Próstata, um movimento que surgiu na Austrália e já é conhecido mundialmente.

Países como Brasil, Nova Zelândia, Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Finlândia, Holanda, Espanha, África do Sul e Irlanda já adotaram a causa para chamar a atenção dos homens para a importância do exame de próstata, exame que infelizmente ainda é cercado de preconceito no universo masculino. O objetivo principal da campanha é mudar os hábitos e mostrar aos homens a importância de cuidar da saúde de seu corpo.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre homens, ficando atrás apenas do câncer de pele e hoje é o sexto mais comum no mundo.  A doença ocorre quando as células da próstata, glândula localizada próxima à bexiga, começam a se multiplicar. Os sintomas são imperceptíveis no começo, por isso é essencial que os homens façam os exames indicados pelos médicos a partir dos 45 anos e, caso tenham histórico na família, devem fazê-lo a partir dos 40 anos de idade.

O diagnóstico precoce é a arma mais importante. Quando descoberto nos estágios iniciais, as chances de cura do câncer de próstata são altas. No Brasil, a doença é responsável por 6% do total de óbitos de homens. Em 2010, fez 12.778 vítimas. Entre as causas da doença estão excesso de peso, sedentarismo e também o consumo de comidas com muita gordura e açúcar que podem ajudar na evolução do câncer.

É essencial que o homem sempre faça um check-up de rotina. Por ser uma forma de prevenção da doença, o exame de sangue deve ser feito anualmente por homens acima de 45 para ver a dosagem do antígeno prostático e é claro não deixar de fazer o exame de próstata. Vergonha é não se prevenir.

Compartilhe