César Ferreira é o novo Secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico

César Ricardo dos Santos Ferreira, conhecido como “César do Canoa Quebrada”, tomou posse como novo secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Pires, na última quarta-feira (17), em substituição a Marcelo Menato, que assume a função de Assessor de Gabinete.

Marcelo Menato, Gabriel Roncon e César Ricardo

Durante o período em que esteve no comando da Pasta, o ex-secretário destacou as parcerias realizadas e a recuperação das tradições dos festivais municipais. “Conseguimos realizar o acordo com o Senac, fazer o Plano Diretor de Turismo para a cidade, aprovar a lei de incentivo, além da volta do Festival do Chocolate em outro formato e a Festa de Nossa Senhora do Pilar”, explicou.  Ainda segundo Menato, Ribeirão Pires ficou quatro anos sem receber verba do DADETUR (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos). Já no Desenvolvimento Econômico, foi realizado a reforma do PAT com ofertas de emprego e aproximação com os empresários da cidade.

O substituto, César Ricardo, concedeu entrevista ao Mais Notícias e comentou os desafios que terá pela frente. “O primeiro deles é manter o ótimo trabalho desenvolvido, posteriormente melhorar o turismo, com geração de emprego e atrair empresas para a cidade.” Sobre o atual estado dos pontos turísticos, César anunciou que haverá equipe de monitoramento periódico. “A equipe de Infraestrutura Urbana já revitalizou alguns pontos. Pretendemos colocar zeladores nos locais e formar equipe que ficará responsável por monitorá-los periodicamente.” Antes de assumir o secretariado, César já foi fiscal da prefeitura e presidente do Comtur (Conselho Municipal de Turismo).

Atual prefeito em exercício, Gabriel Roncon justificou a mudança no comando da Pasta. “Foi uma troca arquitetada em parceria com o Kiko e por eles próprios. O Menato ajudará no suporte auxiliando as outras secretarias e o César continuará impondo energia à Secretaria de Turismo.” Desde o início da gestão Kiko Teixeira, essa é a terceira mudança no alto escalão do governo. As outras duas haviam sido nas secretarias de Meio Ambiente e Comunicação.

Compartilhe