Volpi vai ao ataque e chama opositores de “idiotas”

Por Danilo Meira

Com a presença maciça de pré-candidatos e correligionários do grupo governista, a cerimônia de início das obras da UBS do Centro Alto acabou por se transformar em um verdadeiro ato político com direito a uma “bronca geral” dada pelo prefeito Clóvis Volpi (PV) na oposição, que classificou como “idiota”.

Prefeito fez críticas fortes em discurso do último domingo

O tom político começou a tomar forma logo no início, quando os que tiveram a palavra não hesitaram em exaltar o trabalho e os feitos da atual gestão nas mais diversas áreas, sem esquecer da própria UBS, e pregar a continuidade. Volpi foi o último a falar e, em seu discurso, acabou por assumir a chamada “Tarja de Capitão”.

Após pedir comparação com seus antecessores e afirmar que entregará a cidade melhor do que encontrou para o próximo gestor, usou palavras incisivas: “é preciso ter a continuidade do governo e é preciso ter os mesmos princípios (…) que irão nortear a cidade os próximos quatro anos do novo prefeito de uma nova Câmara, novos secretários e do envolvimento de amor pela cidade”, afirmou, deixando um aviso “Se não for por amor, não se candidate. Se não for por amor não faça política”.

Mostrando que o discurso era direcionado, foi além: “Relembrem o que foi os outros governos, olhem os outros candidatos, com quem estão andando na rua. Dize-me com quem andas e te direi quem és”. A seguir, ele valorizou seus parceiros e atacou os rivais mais diretamente: “Do meu lado, podem os adversários fazer críticas, mas há gente decente, secretários idôneos (…) temos economia estável por conta desta idoneidade (…) vamos enfrentar na rua candidatos dissidentes do nosso grupo e candidatos que estavam no governo e vocês vão se lembrar do que era esta cidade e ver o que ela é hoje”.

Depois disso, vieram as palavras mais fortes, em tom irritadiço: “Eu ainda tenho que escutar alguns políticos idiotas falando besteiras porque não tem conhecimento, porque não sabem como é governar e nunca sentaram em uma cadeira como aquela e (souberam) a responsabilidade que ela tem, a responsabilidade que ela dá”.

Ao final, fez uma promessa: “Vou deixar a vida pública marcando gol (…) e no meu lugar, eu quero que alguém tenha os mesmos princípios, a mesma força, a mesma fé para governar a cidade, se não eu não vou apoiar”. A definição do candidato deve ser anunciada no início de novembro.

Assista ao pronunciamento do prefeito em http://jornalmaisnoticias.com.br/volpi-valoriza-feitos-da-administracao-e-critica-oposicao/

Compartilhe