“Vale Zona Azul” causa transtorno a comerciantes do Centro

Além dos pichadores que insistem em deixar seus rabiscos nas fachadas como o Jornal Mais Notícias noticiou na edição da semana passada, os comerciantes da Rua Felipe Sabag estão enfrentando mais um problema: carros com credenciais de Zona Azul que tomam conta da rua, sem deixar vagas para que os clientes das lojas possam estacionar.

Gratuidade deixa região central ainda mais carente de vagas

O problema ocorre por conta de um benefício, uma credencial emitida por vereadores (e pelo Paço) colocada em diversos carros, que dão direito a Zona Azul gratuita, o chamado “Vale Zona Azul” e permitem que os veículos fiquem ali estacionados sem custo o dia inteiro. Um dos comerciantes, que pediu para ter sua identidade preservada, denuncia: “em um único dia, chegamos a contar 14 carros somente na Felipe Sabag com esses cartões. Isso atrapalha o livre acesso dos clientes ao querer estacionar perto de nossos estabelecimentos e que está deixando muitos clientes incomodados porque, além de serem obrigados a pagar a Zona Azul, ficam sem espaço para estacionar por conta dos carros credenciados”.

Em resposta, a administradora da Zona Azul, informou que “os cartões do estacionamento do poder legislativo são distribuídos pela Câmara Municipal e os do Poder Executivo são distribuídos pelo Paço. As únicas pessoas que têm acesso a esse adesivo são os vereadores e os assessores do Paço. Não temos controle sobre essas credenciais e os nossos monitores não fiscalizam os veículos que estão com estes cartões”.

Compartilhe