Situação de Dedé da Folha segue indefinida

Desde último dia 24 de setembro, quando o ministro relator Marco Aurélio Mello negou seguimento do recurso referente a impugnação de Dedé da Folha (PPS) nas esferas municipal e estadual, a situação do governista permanece indeferida. Apesar disso, o candidato segue sua campanha procurando levantar os ânimos tanto de sua base de eleitores quanto de seus candidatos a vereador.

Candidato passa pela pior fase de sua trajetória política

E recusa em seguir com recurso deu-se porque a defesa de Dedé não conseguiu enviar os documentos originais dentro do prazo estabelecido por lei. O site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) mostra que o candidato não juntou os documentos ao fax enviado anteriormente.

Após a negativa, o grupo de advogados entrou com pedido de agravo regimental, numa tentativa de interpor o revés. A solicitação foi protocolada apenas dia 01 de outubro pela Coordenaria de Processamento e atualmente tramita na Coordenadoria de Registros Partidários, Autuação e Distribuição sem prazo para voltar ao gabinete ministerial.

Compartilhe