Ribeirão Pires receberá Centro de Iniciação ao Esporte

Considerado o maior projeto de legado de infraestrutura esportiva dos Jogos Olímpicos e dos Jogos Paraolímpicos de 2016, o Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), estrutura planejada pelo Ministério do Esporte para formar atletas de alto rendimento olímpicos e paraolímpicos, terá uma unidade em Ribeirão Pires.

Estrutura formará atletas de alto rendimento

Para a instalação da estrutura, a cidade receberá R$ 3,1 milhões provenientes do PAC 2. O CIE será instalado em um terreno de 3.500 m² no Jardim Serrano disponibilizado pela Administração e contará com ginásio poliesportivo com arquibancada, estrutura administrativa e de apoio, como sala de professores/técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, copa, depósito, academia e sanitários e quadra externa descoberta. O Ministério do Esporte não exigirá contrapartida financeira do município.

Será oferecida prática de 13 modalidades olímpicas: Atletismo, Basquetebol, Boxe, Handebol, Judô, Lutas, Tênis de mesa, Taekwondo, Vôlei, Esgrima, Ginástica Rítmica, Badminton e Levantamento de Peso, além de 6 paraolímpicas: Esgrima de cadeira de rodas, Judô, Halterofilismo, Tênis de Mesa, Voleibol sentado e Goalball, além do Futsal, que não é olímpico.

“Estávamos atrás desta importante obra há tempos. Foram vários contatos com o ministro e suas equipes técnicas. É mais uma importante notícia para a cidade e, mais uma vez, estamos cumprindo com nossa meta de governo. Investir no esporte, na qualidade de vida foi um dos compromissos que assumi com a população de Ribeirão”, disse Saulo.

Já o ministro Aldo Rebelo destacou a importância do equipamento: “As cidades recebem um equipamento planejado, com medidas oficiais e o melhor material para a construção e espaço para a prática de 13 modalidades. Eles estão destinados a treinar o atleta de alto rendimento e também a fornecer a prática de atividade física de lazer, ou educacional ou de entretenimento”. A obra, obedecido o cronograma legal, deve ser iniciada no segundo semestre de 2014.

Compartilhe