Ribeirão Pires investe na qualificação de profissionais que agendam consultas

A Secretaria de Saúde e Higiene de Ribeirão Pires investe na qualificação dos profissionais que prestam atendimentos aos moradores. Funcionários das Unidades Básicas de Saúde, do Programa Saúde da Família, dos Centros de Apoio Psicossociais, ambulatórios de Saúde Mental e de Infectologia, Centro Odontológico e Centro de Especialidades Médicas, participaram, no início do mês, de treinamento para garantir mais agilidade ao sistema de agendamento de consultas.
A qualificação dos atendentes, realizada por meio da Central de Vagas da Secretaria, também é complemento da ação “Sem faltas, a fila anda”. Os profissionais das unidades de saúde foram preparados para orientar e esclarecer dúvidas dos pacientes sobre o processo de agendamento da data das consultas e conscientizá-los a não deixar de comparecer ao compromisso.
O alto índice de faltas – apenas no mês de dezembro, por exemplo, 40% dos pacientes não compareceram às consultas agendadas – prejudica outros moradores que aguardam por consultas na fila de espera.
Moradores da cidade que precisam agendar consultas com especialistas da rede municipal de saúde ou dos hospitais de referência devem passar pela Unidade de Saúde mais próxima de sua residência. Após passar por triagem e pelo médico da unidade, o paciente é encaminhado para a consulta com o médico especialista.
O agendamento é feito pela Central de Vagas do município e confirmado ao morador pelos atendentes da unidade de saúde. No momento em que retira o comprovante de marcação da consulta, que deve ser apresentado ao médico especialista, o paciente recebe orientações para comparecer ao local e horário indicados.
A partir de agora, como reforço à campanha de conscientização “Sem faltas, a fila anda”, os moradores terão que esclarecer os motivos da desistência da consulta, caso não compareçam e queiram reagendar. Esse processo poderá ser repetido apenas duas vezes. Após a terceira consulta perdida, o paciente deverá iniciar o processo de agendamento desde o início, passando pelo médico da unidade de saúde de seu bairro, que o encaminhará novamente para o especialista.

Compartilhe