Ribeirão Pires é premiada e conquista mais uma vez o Selo Município Verde Azul

A Estância Turística de Ribeirão Pires foi contemplada com o Prêmio Franco Montoro de Ecologia por ter obtido melhor colocação entre os 36 municípios da bacia hidrográfica do Alto Tietê (que compreende toda região metropolitana de São Paulo), de acordo com ranking do Programa Município Verde Azul, divulgado nesta terça-feira, dia 18, pela Secretaria de Estado do MeioAmbiente, durante cerimônia no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo.

Equipe da SEPHAMA responsável pela execução dos projetos premiados

Nestes últimos dois anos, Ribeirão Pires subiu 35 posições no ranking – passando da 83ª para a 48ª colocação – com nota que avançou de 85,27 para 88,73 pontos, garantindo a reconquista do Selo Município Verde Azul em 2012. José Ricardo Lopes, físico e especialista ambiental da Secretaria Estadual do Meio Ambiente reconheceu o progresso da cidade. “Ano de transição de governo sempre diminui a elaboração dos relatórios por parte dos municípios, uma vez que em maio o orçamento já está limitado. Ribeirão Pires manteve um padrão de qualidade inegável nas ações voltadas ao meio ambiente ao longo dos anos”, destacou Lopes, que também coordena os municípios que compõem a Bacia do Alto Tietê.

Os municípios receberam nota em avaliação de desempenho em dez diretivas que regem o Programa Município Verde Azul. Foram avaliadas ações nas áreas: esgoto tratado, lixo, recuperação da mata ciliar, arborização urbana, educação ambiental, habitação sustentável, uso da água, poluição do ar, estrutura ambiental e conselho de meio ambiente. “Além do Prêmio Franco Montoro de Ecologia e da ótima colocação, somos primeira cidade do Grande ABC no ranking”, disse o secretário de Planejamento Urbano, Habitação, Meio Ambiente e Saneamento Básico de Ribeirão Pires (Sephama), Temístocles Cristófaro.

Dentre as ações ambientais de Ribeirão Pires que podem ser destacadas em 2012 estão a implantação do projeto Escola Eco Sustentável em mais uma unidade, além da Escola Municipal Palmira Antonio Pereira que já está adaptada, a Escola Municipal João Midolla está em fase de licitação. No quesito educação ambiental, Ribeirão Pires também recebeu o Prêmio Cidades Sustentáveis do Ministério do Meio Ambiente, do Governo Federal, e promoveu mais palestras em escolas, empresas e em outros segmentos.

Outro ponto de destaque foi a gestão de resíduos sólidos. O galpão de triagem de coleta seletiva, inaugurado em 2011, foi equipado de forma moderna e com capacidade para geração de mais de 50 empregos diretos. No quesito arborização urbana, o município passou a contar com um Parque Linear e foi criada a ciclofaixa, que contribui para a melhoria da qualidade do ar.

A Sephama promoveu ações de estrutura ambiental com a contratação de mais profissionais qualificados, obtenção de licenciamentos e a oficialização da compatibilização do Plano Diretor à Lei Específica da Billings. Houve, também, no quesito cidade sustentável, o mapeamento das áreas de risco do município para a elaboração de ações que minimizem os impactos ambientais e a formalização de convênios com o Governo Estadual e Federal para a construção de habitações populares.

O certificado de Município Verde Azul garante à administração municipal a prioridade na captação de recursos junto ao Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição.

Compartilhe