Prefeituráveis participam de debates com a sociedade

Na última segunda, a candidata a prefeita pelo PT, Maria Inês e o candidato govenista Edinaldo de Menezes (PPS) participaram de dois debates com a sociedade civil de Ribeirão Pires. Primeiramente, foi realizado o evento da APEOESP (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), onde foi assinado um termo de compromisso com propostas direcionadas à Educação e de que a lei 11.738, de 2008, que especifica o piso salarial da categoria para todo o País e garante um terço da jornada do professor destinada a atividades extracurriculares, será respeitada.

Dulce Vasconcelos Xavier foi a palestrante da noite

A noite, os candidatos a prefeito e também a vereador, como Carla Soares, Mara, Mari Evangelista, Deborah Perrone e Elzinha participaram do evento “Mulheres no Poder”, realizado na Câmara Municipal. Após palestra de Dulce Vasconcelos Xavier, coordenadora do Grupo de Trabalho de Gênero do Consórcio Intermunicipal de Prefeitos do Grande ABC que abordou a participação feminina na política, a palavra foi aberta aos participantes. Sonia Garcia ressaltou as dificuldades das candidatas, “que muitas vezes são deixadas de lado nas chapas” e cobrou a instalação da Delegacia de Defesa da Mulher na cidade. Paula Cunha, militante das causas das pessoas com deficiência, ressaltou as dificuldades encontradas por esse público até mesmo para eventos simples, como ir ao médico e pediu mais atenção dos governantes: “Não se esqueçam de nós”, afirmou. A seguir, Carla Soares cobrou mais mulheres na política e Elzinha lembrou o fato de a Casa de Leis nunca ter sido presidida por uma mulher.

A seguir, os candidatos a prefeito presentes discursaram. Maria Inês ressaltou que no Programa de Governo, no grupo “Ribeirão, Cidade de Direitos” há um compromisso firmado com as mulheres e também que, caso eleita, irá fazer o possível junto ao Governo do Estado, para acelerar a instalação de uma Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) na cidade e lembrou que outras ações, como a instalação de creches também contemplam este público. Dedé da Folha, por sua vez, endossou as palavras de Maria Inês em relação à DDM e ressaltou que irá “governar a cidade para todos e todas”. A seguir, disparou contra a ausência de Saulo Benevides (PMDB) – que também não foi ao evento da manhã: “O Saulo virou um fujão”, afirmou.

Compartilhe