MPB de Zélia Duncan abre o Festival do Chocolate

Com as músicas “Boas Razões” e “Ambição”, a cantora Zélia Duncan abriu a 8ª edição do Festival do Chocolate na noite da última sexta em Ribeirão Pires.

Zélia abre o Festival do Chocolate com público de 6 mil pessoas.

Em uma apresentação que empolgou a platéia, ela celebrou seus 30 anos de carreira e, empolgada com a animação, se deu ao luxo de fazer uma brincadeira, aproveitando que estava vestida para o frio típico da cidade, ao dizer que era tanta energia vinda dos presentes que até mesmo ficou com calor. A seguir, tirou seu cachecol colorido e foi ovacionada pela platéia. “Quem estava no show viu que foi muito alegre. A gente costuma dizer que cada platéia tem o show que merece e desde que eu entrei já foi delicioso. Quando eu vejo o que aconteceu hoje, eu me sinto uma criança, com vontade de pular”, falou Zélia.

Chamou a atenção o fato de a Tenda Multicultural não estar lotada. Segundo informações, cerca de 5 mil ingressos foram trocados com antecedência de um total de 8 mil. A situação fez com que os portões, que limitavam a entrada do público, fossem abertos e, com isso, o total chegou a 6 mil. Mesmo assim, Zélia elogiou a organização do evento. “Vou seguir para Minas com o parâmetro daqui. Eles vão ter que ralar muito para fazer uma estrutura similar a que vimos no Festival”, afirmou.

Sobre o sucesso da música “Breve canção de sonho”, trilha que embala o casal Rosário (Leandra Leal) e Inácio (Ricardo Tozzi) na novela “Cheias de Charme”, a cantora admite que foi quase um acaso. Contou que Dimitri BR, parceiro na composição, ligou dizendo que teve um sonho com a música, e como estava “em casa de bobeira”, resolveu fazer uma letra. “Depois aconteceu de eu mostrar para a Denise Saraceni (diretora da novela), foi impressionante porque a música foi feita um pouco antes da trama e tem tudo a ver com a história”, contou a cantora.Além do álbum de trabalho “Pelo sabor do gesto”, a voz marcante da MPB já tem um novo cd pronto, só com canções de Itamar Assunção e provavelmente volta aos palcos com o espetáculo teatral “TôTatiando” em setembro. Nele, Zélia se transforma em personagens de canções do músico, compositor, escritor e acadêmico paulistano, Luiz Tatit.

Compartilhe