Gazeta defende punição severa aos pichadores

Na sessão de ontem, o editor do Jornal Mais Notícias Antonio Carlos Carvalho da Silva, o Gazeta, fez uso da Tribuna Livre, espaço aberto pela Câmara dos Vereadores para manifestação dos munícipes, para criticar a situação das pichações na cidade, alvo de diversas reportagens realizadas por esta publicação durante o ano.

Editor do Mais Notícias fez uso da Tribuna Livre na última quarta

Em sua fala, ele relatou que três das autoridades consultadas não enviaram respostas para os questionamentos feitos pelo jornal a respeito da situação, no caso o Juiz de Direito, o Promotor do Meio-Ambiente e o delegado da Polícia Civil: “não eram os questionamentos apenas do jornal, mas sim de toda a população de Ribeirão Pires”, afirmou Gazeta.

Ele também relatou outros efeitos da situação atual, como prejuízos a moradores e comerciantes que têm que dispor de recursos para a limpeza das fachadas. Ele também afirmou que há excesso de tolerância das autoridades para este tipo de crime: “o que desejamos é a aplicação da lei”, ressaltou, antes de sugerir aos edis para q  ue convoquem as autoridades para prestar esclarecimentos sobre a situação da cidade, tomada por pichações.

Ao final, os vereadores Jorge da Autoescola (PR), Hércules Giarola (PROS), José Nelson da Paixão (PSS) e Cleo Meira (PTN) endossaram a fala do editor do Jornal Mais Notícias. O presidente da Casa de Leis Edson Savietto, o Banha (PDT), afirmou que serão feitos esforços para que as autoridades venham à Câmara para falar sobre o caso.

Compartilhe