É hora de endurecer

As constantes denúncias de mau uso do dinheiro público arrancado a fórceps do cidadão brasileiro via impostos (os mais altos do mundo), culminando com o gigantesco escândalo da Petrobrás que de uma só tacada sangrou a Estatal em mais de dois bilhões de reais, precisa ser contido.

Presidente Gazeta saúda os presentesO tal “negócio” mais que duvidoso e lesivo aos brasileiros teve o aval da hoje presidente Dilma, que na ocasião ocupava a presidência do Conselho da Empresa, concomitantemente com a chefia da Casa Civil do Governo Lula. Tal como seu chefe, Dilma disse ainda que “mandou apurar” a denúncia e mandou o Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, dizer que o caso é intriga da oposição com fins eleitoreiros. Lamentável.

A luz do fim do túnel vem de uma comissão de parlamentares que exigem explicações da própria presidente Dilma e querem a formação de uma CPI para apurar o caso. Enquanto o PT luta desesperadamente para impedir a formação da comissão com medo da repercussão nas urnas em outubro próximo. Está mais que na hora da oposição criar coragem e apontar para todos os brasileiros os desmandos do governo petista de Dilma Rousseff.

Já basta o caso do mensalão quando pouparam Lula e o mesmo venceu a eleição e ainda fez a sucessora, enquanto seus colaboradores mais próximos acusados de diversos crimes curtem hoje a cadeia. Vamos esperar que providências do Ministério Público ou da CPI afastem a ameaça de mais quatro anos de PT, mas se não o fizerem temos as eleições daqui a sete meses.

Compartilhe