Câmara comemora o Dia do Espírita

O último dia 26 foi de festa na Câmara de Ribeirão Pires. A casa realizou uma sessão solene em homenagem ao Dia do Espírita. O evento contou com a presença de presidentes e frequentadores das casas espíritas de Ribeirão Pires e região. No dia, compuseram a mesa o vereador Jorge Luís de Moraes, o Jorge da Autoescola (DEM), que propôs a comemoração do Dia do Espírita, além de Gerson Constantino (PV) e José Vicente de Abreu (PR). Também estiveram presentes os representantes Davi Filho, Marisa Rodrigues Sanches, Delmo Tártaro, Nicholas Dionisi Júnior, Marcos Sartori, Carlos Alberto Gonçalves Duarte, Clério Falgueiro, Edson Barbosa, Tércio e Alexandre Neves.

A plenária da Câmara lotou de pessoas interessadas no evento

Durante a sessão, foi realizada uma palestra, ministrada por Telma Yamashita, sobre os 150 anos do Livro dos Médiuns, de Alan Kardec.

O vereador Jorge iniciou a comemoração lembrando de um dos maiores percussores do espiritismo em Ribeirão Pires. “Não podemos esquecer do senhor Ibrahim, que fez tanto por nós e tenho certeza que ainda faz”, lembra o vereador.

Edson Barbosa, do Centro Espírita Irmã Sheilla ressalta a vontade de Ibrahim.”  O senhor Ibrahim é uma referência para os espíritas em Ribeirão Pires. Somos todos irmãos em Cristo e devemos pregar o amor e a caridade, que eram os preceitos dele”, ressalta Edson.

Alexandre também reafirma o quanto é importante a comemoração desse dia. “Vamos agradecer a oportunidade de estarmos aqui. È um dia de felicidade, um dia do plano espiritual”, afirma Neves.

Cada centro homenageou dois colaboradores voluntários. Foram cerca de 20 homenageados.

No dia, também apresentou-se o grupo de Teatro Momentos de Luz, declamando um texto poético sobre a vinda de Cristo e os problemas enfrentados no dia-a-dia.

O grupo de teatro Momentos de Luz, de Diadema, fez uma apresentação comovente

Ao final do evento, todos puderam se reunir e comemorar com um coquetel. “Ano que vem vamos precisar de um espaço maior para a realização do Dia do Espírita”, finaliza Jorge.

Compartilhe