Árvore que “chora” intriga a população de Ribeirão Pires

No inicio desta semana, o jornal Mais Notícias recebeu uma ligação de uma munícipe, que relatou sobre um caso sobrenatural: uma árvore que chora. A redação foi até o local, a Praça da Matriz, e constatou que uma das árvores tinha uma espécie de gelo nos galhos.

Em um dos galhos da árvore, é possível avistar o gelo.

Segundo o taxista Aldener Guimarães, “há dois meses cai água desta árvore. A princípio eu e os outros taxistas aqui do local não entendíamos como o chão ficava tão molhado, depois percebemos que a árvore tinha gelo em um dos galhos. Não demorou muito, para que algumas mulheres que frequentam a (Igreja) Matriz São José aparecessem”.

O entrevistado também relatou as conversas e reações das pessoas, “tem gente que acredita que seja um sinal divino, um milagre. As pessoas param, rezam se benzem e bebem da água. Mas em minha opinião, apenas um biólogo poderia explicar as causas”.

Mesmo parecendo um caso pouco comum, a redação do Mais Notícias encontrou fato similar ocorrido na cidade de Arez, no Rio Grande do Norte. Há alguns anos, a cidade teve outro caso similar na Vila Sueli. Mas, enquanto biólogos não aparecem para tentar dar alguma explicação científica para o fenômeno, a árvore continua servindo de ponto de encontro para rezas, promessas e, porque não, milagres.

Compartilhe