Além do Mais-08/12/2017

Baderna I

Tudo bem que todos nós temos o direito de reivindicar o que nos é, sem redundância, de direito. Mas, da mesma forma, temos deveres e comportamentos regidos por nossa sociedade, o que nem sempre é seguido à risca. Claro exemplo disso são as Sessões da Câmara que, sempre que tratam de temas polêmicos, ficam lotadas, em especial de interessados no assunto em discussão. O problema é que acabam criando tumulto e baderna, atrapalhando o andamento da Sessão.

 

Baderna II

Além deste triste fato que se nota todas as quintas-feiras é a falta de munícipes interessados. Como dito antes, a Câmara só lota quando há interesse de uma categoria em particular, como foi na segunda. Discussões corriqueiras e de mesma importância são deixadas de lado. Até por isso o vereador Rubão ironizou: “Seria tão bom se víssemos a Câmara lotada assim em todas as sessões.” Lotada sim, mas com ordem e civismo em primeiro lugar, sem baderna.

 

Desculpas

Não é de hoje que alguns vereadores não se atentam as votações dos projetos de leis que entram na ordem do dia durante as sessões na Câmara. Desta vez, o distraído foi Arnaldo Sapateiro (PSB), que votou contra a imposição do Diário Oficial do Município na versão online. Ao menos, o parlamentar pediu desculpas à população. “Votei errado, desculpas.”

 

Pose para a Selfie

A grande presença do público na sessão extraordinária de segunda-feira parece ter empolgado alguns vereadores. O mais animado deles foi Paixão (PPS), que aproveitou o momento para registrar alguns cliques mostrando a Casa de Leis lotada, com direito à uma selfie, para postar nas redes sociais.

 

Compartilhe