Ação de vândalos interrompe obras de Complexo Esportivo

Pela segunda vez seguida, as obras de construção do Complexo Esportivo da Vila Monteiro serão paralisadas. A Prefeitura de Ribeirão Pires publicou, em Ato Oficial, a autorização para que a FORMATUAL Sistema de Construção LTDA., interrompa o projeto por mais 60 dias. Segundo a Municipalidade, a decisão é relativa à ação de vândalos que vem destruindo partes da obra.

Em nota, a Prefeitura informou que “depois de seguidos atos de vandalismo, como a danificação de alambrado, forro de gesso e telhado dos vestiários, a Prefeitura decidiu paralisar as obras pelo período de 60 dias até que a situação seja solucionada. A Prefeitura tomou medidas legais para coibir atos ilícitos, como a construção de zeladoria, e intensificou a segurança no local. O objetivo é concluir a obra o mais breve possível e entregá-la a população em condições ideais de uso”, concluí.

Em recente publicação do jornal Mais Notícias intitulada de “A cidade realmente está limpa?”, publicada em 06 de outubro de 2011 (link http://t.co/nRlNMxPS), informamos que após a aplicação da Lei Cidade Limpa, houve crescimento significativo no número de pichações nos espaços das novas fachadas dos estabelecimentos comerciais. Na época, o Secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Pires, Marcelo Liochi disse que “o combate ao vandalismo é uma o questão de segurança pública. Pessoas flagradas cometendo esse tipo de ato são submetidas há legislação própria contra o vandalismo”.

A GCM (Guarda Civil Municipal) tem o dever de proteger o patrimônio público. Ao flagrar infratores cometendo tal delito, a GCM deve encaminhar os responsáveis à delegacia. A própria população também pode fazer sua parte denunciando pelo telefone 4828-3204.

Compartilhe